Notícias do PloneGov-BR

Área a ser utilizada para registrar links de notícias publicadas sobre a comunidade PloneGov-BR e/ou redigir novas notícias em colaboração.

Coletânea de Notícias Publicadas


Governo federal terá Comunidade de Colaboração PloneGov-BR

Com o intuito de estabelecer um canal de colaboração entre instituições que fazem uso, desenvolvem e incentivam a tecnologia Zope/Plone? e o Software Livre é que técnicos de órgãos federais lançam esta iniciativa.

"Queremos fomentar a criação de uma rede de profissionais que trabalham com essas tecnologias, trocar experiências, auxiliar instituições que estejam iniciando a implantação em suas unidades, compartilhar conhecimento", defende Cintia Cinquini, da Presidência da República.

A Comunidade PloneGov-BR é composta pelo Serpro, Ministério do Planejamento, Interlegis, Câmara dos Deputados, Correios e Presidência da República. Cintia explica que a expectativa é aumentar o número de parceiros para dar mais força à rede e ressalta que o convite para integrar o grupo é aberto a todas as instituições e profissionais que trabalham com a tecnologia.

Comunidade

Comunidade é um espaço de discussão, apoio e treinamento, que dá às instituições parceiras mais agilidade no trabalho com a ferramenta, cooperação em torno das soluções e máxima extração de capacidade técnica. A Comunidade PloneGov-BR funcionará como um fórum institucionalizado para o debate dos diversos atores públicos, com o objetivo de somar esforços para um mesmo resultado, "dessa forma é possível executar mais em menos tempo e com mais qualidade", afirma Cinquini.

Atuar nos vários segmentos de governo, conhecer e reunir instituições que já utilizam ou demonstrem interesse na ferramenta, para estabelecer os elos dessa rede é um dos primeiros desafios da Comunidade, que acredita nos encontros técnicos e um agenda de trabalho para aquecer e movimentar a nova rede. "Entendemos que uma iniciativa como esta reforça as práticas de colaboração no governo e também o uso de softwares livres", analisa Jean Ferri, do Interlegis.

A expectativa de aumentar a colaboração tecnológica entre as instituições governamentais como alternativa para a economia de recursos públicos, melhoria nas soluções de TI e difusão das plataformas abertas e livres é uma das premissas do Comitê Técnico de Implementação de Software Livre - CISL.

Plone

Os sistemas de governo eletrônico operam via web, por isso, a importância de assegurar o uso de uma ferramenta madura e de boa qualidade para a Administração Pública. Congregar o maior números de órgãos e empresas públicas para compartilharem experiências, conhecimentos e dificuldades no uso desta tecnologia é um dos desafios da nova comunidade.

O Plone possui algumas peculiaridades e características que justificam o crescimento da sua utilização em portais e sítios de governo. Soluções importantes já são previstas na instalação padrão do Plone, como a acessibilidade, que para sítios de governo é imprescindível.

A facilidade de uso (usabilidade) por parte do gestor de conteúdo e a não obrigatoriedade de conhecimentos técnicos em linguagem de marcação de texto (HTML) são outras particularidades que fazem do Plone uma escolha bastante atraente para quem busca uma solução de CMS (sistema de gerenciamento de conteúdos). Além do mais, é uma plataforma de software livre que conta com uma grande comunidade de colaboradores no Brasil e no exterior.

Mais informações

plonegov-br@…


Matéria a ser divulgada no sítio do Software Livre (.gov.br)

Qual o objetivo da Comunidade?

O objetivo maior da comunidade PloneGov-BR é estabelecer um canal de colaboração entre instituições que fazem uso, desenvolvem e incentivam a tecnologia Zope/Plone? e o Software Livre. Queremos fomentar a criação de uma rede de profissionais que trabalham com essas tecnologias, trocar experiências, auxiliar instituições que estejam iniciando a implantação em suas unidades, compartilhar conhecimento.

Quais são as instituições parceiras?

Hoje a comunidade é composta por: SERPRO, Ministério do Planejamento, Interlegis, Câmara dos Deputados, EBC e Presidência da República, mas nossa expectativa é aumentar essa relação de instituições em pouquíssimo tempo, visto que a força da rede está tanto na quantidade quanto na qualidade e comprometimento de seus integrantes. Para isso, o convite para integrar o grupo é aberto e está sendo feito a diversas instituições e profissionais que trabalham com a tecnologia.

De quem é a iniciativa?

A iniciativa se consolidou a partir dos anseios de um coletivo de profissionais, entusiastas de Software Livre, que trabalham em diversos órgãos do governo e entendem colaboração como premissa para a evolução da tecnologia no Brasil.

Porque utilizar o Plone nos sítios do governo?

O Plone possui algumas peculiaridades e características que justificam o crescimento da sua utilização em portais e sítios de governo. Já são previstas soluções, por exemplo, de acessibilidade numa instalação padrão do Plone que, para sítios de governo é imprescindível. A facilidade de uso (usabilidade) por parte do gestor de conteúdo e a não obrigatoriedade de conhecimentos técnicos em linguagem de marcação de texto (HTML) é outra particularidade que fazem do Plone uma escolha bastante atraente para quem busca uma solução de CMS (sistema de gerenciamento de conteúdos). Além do mais, é uma plataforma de software livre que conta com uma grande comunidade de colaboradores no Brasil e no exterior.

Qual a importância de uma comunidade de cooperação para a Administração Pública?

Na Administração Pública, correndo o risco de ser generalista, é comum a aquisição ou desenvolvimento de uma mesma solução por diversos órgãos em separado, de forma descoordenada. Isso gera gastos desnecessários, além do consumo de tempo e recursos. Uma comunidade funciona aqui como um fórum institucionalizado para contato entre esses atores, de modo a somar esforços para um mesmo resultado. Dessa forma consegue-se executar mais em menos tempo e com mais qualidade.

Qual a abrangência desta comunidade?

Nossa idéia é atuar em diversas frentes, reunindo áreas de interesse que permeiam as atividades de implementação de um sítio Plone. Num primeiro momento, queremos conhecer e reunir a maior quantidade possível de órgãos que já utilizam ou que tem interesse na ferramenta, a fim de estabelecer os elos dessa rede. A partir daí, pretendemos estabelecer uma agenda de trabalho para aquecer e movimentar essa rede, que vai desde encontros técnicos até repasse de conhecimento para usuários e gestores de conteúdo.

Considerações gerais.

Entendemos que uma iniciativa como esta pode fomentar outras iniciativas de novas comunidades e isso será muito valioso pois estaremos reforçando as práticas de colaboração no governo e também o uso de Softwares Livres, que acabam nos levando a uma maior independência tecnológica e também ao desenvolvimento de habilidades e recursos locais. A expectativa de aumentar a colaboração tecnológica entre os órgãos do governo e outras instituições nos leva também a economia de recursos públicos e melhoria nas soluções de TI, o que se reverte em benefícios diretos aos cidadãos.


voltar à pagina inicial

Última modificação 11 anos atrás Última modificação em 03/08/2009 11:47:29
 

The contents and data of this website are published under license:
Creative Commons 4.0 Brasil - Atribuir Fonte - Compartilhar Igual.