SAPL - Alterando modelos de Proposição Legislativa

1 - Introdução

O módulo Proposições Legislativas do Sapl se constitui num instrumento destinado à elaboração e ao tratamento das proposições legislativas, a partir de modelos previamente confeccionados com as respectivas folhas de estilo básicas. A construção dos modelos utiliza a linguagem de marcação extensível - XML (Extensible Markup Language) para armazenar o conteúdo dos documentos derivados dos modelos. Portanto, as proposições elaboradas são documentos XML. Quando da sua implementação - feita pelo Ciciliati - houve a preocupação com o desenvolvimento de um Editor e um Visualizador que fossem genéricos de modo a tratar indistintamente todos os tipos de proposições. Essa estratégia trouxe muitas vantagens à estruturação, elaboração, visualização e impressão dos documentos de proposições elaborados a partir dos modelos. Uma das vantagens mais significativa - visível - é a facilidade de uso, porque reduziu e simplificou as tarefas de elaboração, de qualquer tipo de proposição, em duas: a criação do modelo, que trata da estrutura do documento; e, a definição do estilo a ser aplicado ao modelo para a visualização e impressão dos documentos criados. As demais funcionalidades, para o tratamento dos documentos, ficaram internamente por conta do Editor e do Visualizador genéricos.

I - Modelo - o SAPL já possui alguns modelos definidos, que podem se ajustados às mais diversas situações, atendendo, dessa forma, aos padrões de cada Casa Legislativa. Esses modelos referem-se aos seguintes tipos de proposições legislativas:

Projeto de Lei;
Requerimento;
Parecer;
Indicação; e,
Moção.


No Sapl, o Usuário com perfil de autor, terá a opção Proposições no Menu, logo após o login . Ao selecionar essa opção, o sapl irá exibir a lista de proposições já criadas pelo autor. Aquelas em condições de serem editadas são as ainda em elaboração ou enviadas e não recebidas. No momento da edição da proposição, o sapl apresentará o documento estruturado no modelo correspondente. É importante ressaltar que poderá haver problemas de edição de um documento criado com base num modelo que posteriormente tenha sido modificado. Esse documento não poderá ser editado com o modelo que foi ajustado, caso algum elemento dele tenha sido modificado ou excluido.

II - Folha de Estilo de visualização/impressão - para os documentos elaborados com base nos modelos existentes, o SAPL também possui os estilos de visualização e impressão correspondentes. Esses estilos podem ser ajustados de acordo com as necessidades de cada Casa Legislativa, na mesma razão dos ajustes feitos nos modelos. Com isso queremos dizer que se for realizar alguma alteração na estrutura do modelo, essa alteração também deverá ser feita na folha de estilo correspondente, de modo a refletir as mudanças realizadas.

2 - Para adequar / criar modelos de proposições legislativas

Um modelo é composto de um ou mais elementos. Portanto, um elemento representa uma parte do modelo que, em geral, pode ser: uma identificação, um tópico, ou um parágrafo do documento que será elaborado; ou, ainda, poderá conter outros elementos. O elemento tem como propriedades alguns atributos, sendo os mais significativos:
(1) indicativo de obrigatório ou opcional; ou seja, se o elemento é obrigatório, então significa que deve constar no documento derivado do modelo, não podendo ser omitido; ou, então, caso seja opcional, significa que a parte correspondente do documento pode ser omitida;
(2) se o elemento é único ou repetitivo no documento;
(3) se armazena valores iniciais como textos e outros.


Dica: Uma forma bem rápida de ajustar um modelo ou criar um novo é usar um modelo já existente, como base, excluindo ou alterando elementos ou incluindo novos a partir da cópia de elementos já existentes no modelo.

A seguir veja como isso pode ser feito.

2.1 - Acesse a ZMI (Zope Management Interface) do SAPL;

2.2 - Localize a pasta sapl_documentos/modelo. É o local onde devem ficar todos os modelos;

2.3 - Ajustando o modelo;

2.3.1 - Clique na pasta modelo - no lado esquerdo. O Zope irá exibir os modelos - no lado direito;

2.3.2 - Selecione o modelo desejado a ser ajustado, escolhendo aquele do mesmo tipo do documento ou o mais parecido. Duplique o modelo a ser ajustado - marque o modelo e, clique no botão "Copy" e, em seguida, no botão "Paste". O Zope irá criar um novo modelo igual com o nome: "copy_of_nome-do-modelo";

2.3.3 - Renomeie o novo modelo criado para o nome desejado: marque o modelo "copy_of_...", clique no botão "Rename", escreva o novo nome e clique no botão OK.

2.3.4 - Clique sobre o nome do modelo recém renomeado para seleciona-lo. O Zope irá apresentar os elementos que compõem o modelo. É importante já ter em mãos a estrutura do novo modelo "já pensada", em termos de como está sudividido e quais são os elementos, antes de iniciar a adequação, de modo a facilitar a realização dos ajustes.

2.3.5 - Visualizando e alterando as propriedades do modelo - Após clicar sobre o nome do modelo, acesse a aba "Properties" do modelo para alterar os seguintes atributos: title, xmlns_prefix, xml_tag, default_xslt_for_html e default_for_xml_for_editor. Esses atributos associam, na folha de estilo, as definições de estilo criadas para cada elemento do modelo em questão.

a) title - atualiza o título do modelo - preenchimento opcional - É o título que será visualizado entre parentêses (título) na ZMI;

b) xmlns_prefix - indique o prefixo que será usado para referenciar o modelo na folha de estilo;

c) xml_tag - nome da tag - deve ser referenciada na folha de estilo como sendo o nome da classe que irá conter as definições de estilo do elemento;

d) default_xslt_for_html - indique o caminho onde se encontra o arquivo .xsl que contém as instruções de estilo (Stylesheet). As folhas de estilo deverão sempre estar na pasta XSLT/HTML.

2.3.6 - Excluindo elementos do modelo - marque o elemento e clique no botão "Delete" para excluir o elemento do modelo. Devem ser excluídas, na folha de estilo, as referências a esse elemento excluído do modelo.

2.3.7 - Visualizando e alterando os atributos de cada elemento - clique sobre um elemento e, em seguida, na aba "Properties" para ver as propriedades do elemento selecionado. Para a grande maioria dos casos, os atributos são: Title, initial_text, optional, multiple, has_own_value, exclusivity_group, xml_tag e element_name. É possível acrescentar novos atributos, mas isso ficará para um segundo momento. O ajuste básico a ser feito será em relação a alguns critérios:
a) initial_text - se deseja definir um texto básico inicial, então deverá escrever o texto em initial_text. Esse texto inicial será mostrado - no modo de edição - toda vez que um novo documento venha a ser criado utilizando o modelo; e, esse texto, poderá ser modificado em tempo de elaboração do documento. Por exemplo, no elemento "data" pode ser deixada previamente a seguinte informação: nome-da-cidade-UF, dd de mmmmmm... de aaaa. Assim, ao elaborar uma proposição com esse modelo, será exibido previamente esse texto como sugestão para que possa vir a ser alterado com o nome do município e a data da elaboração do documento;
b) optional - se o elemento será obrigatório ou opcional na composição do documento final. No caso de ser opcional, o check-box do atributo optional, indicado à direita, deve ser assinalado;
c) multiple - assinalar esse atributo caso seja permitida a repetição de mais de uma ocorrência do elemento no documento final. Essas poucas mudanças sugeridas já são suficientes para atender 99% das necessidades de adequação do modelo para quase todos o casos.

3 - Para adequar / criar Estilo de Visualização dos modelos

Personalizando folhas de estilo para proposições XML do SAPL

Última modificação 6 anos atrás Última modificação em 27/09/2013 10:04:16
 

The contents and data of this website are published under license:
Creative Commons 4.0 Brasil - Atribuir Fonte - Compartilhar Igual.